Terceiro Pilar do Islã - Zakat (caridade)

Zakat é um termo em Árabe que não possui um equivalente em Português, por ter uma série de significados, dentre eles: crescer, aumentar ou mesmo purificação.

Segundo o Islã, o zakat foi ordenado por Deus no segundo ano da Hégira, na cidade de Medina ( Alcorão 98:5) e fundamenta-se na tese de que todos os bens materiais pertencem a Deus, e portanto, ele é o verdadeiro dono de tudo que existe no Universo (Alcorão 20:6). Os muçulmanos são considerados apenas como depositários do dinheiro agraciado por Deus.

Zakat é a caridade que deve ser paga todos os anos para pessoas menos favorecidas. A caridade ocorre do muçulmano para o necessitado, não há intervenções de nenhum líder religioso ou da mesquita.

O muçulmano doa algo como 2,5% de tudo o que ele arrecadou no ano. É uma hora de purificação espiritual com Deus, porque na Zakat você ajuda aqueles que não tiveram as mesmas oportunidades que você. É pago uma vez ao ano com exceção do zakat sobre os grãos e frutos que se paga a cada colheita.

Obriga-se a pagar o zakat sob quatro categorias de bens: ouro-prata-dinheiro- comércio; o que sai da terra ( grãos e frutos, etc) e sobre os rebanhos dos animais ( carneiros, camelos, gado, etc). Nos países de maioria muçulmana há o coletor de zakat e os bens arrecadados são distribuído aos necessitados num formato de lista de prioridades. Todos os detalhes da prática do zakat, assim como dos demais pilares do Islã são encontrados no material chamado jurisprudência islâmica, ou Fiqh.


#zakat #caridade #pilares #terceiropilar

Destaque
Artigos Recentes